Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2017

REFORMA TRABALHISTA E O JOGO DOS SETE ERROS

Imagem
O IBGE confirma a extensão da crise econômica no Brasil: o PIB, que caíra 3,8% em 2015, repetiu a dose em 2016 recuando 3,6%. A taxa de desocupação que decrescia desde 2003 e atingiu o menor valor da série história em 2014, quase dobrou desde 2015, atingindo agora em abril de 2017 o acumulado de 14,2 milhões de pessoas. Além da destruição de postos de trabalho, o aprofundamento da crise econômica tem reflexos claros na precarização das relações de trabalho.
Hoje, tanto os meios de comunicação como o governo federal apontam que a culpa da crise no mercado de trabalho é dos trabalhadores, que têm muitos direitos. Esse foi o mesmo discurso da crise dos anos 1970 com Thatcher e Reagan, que fortaleceu o neoliberalismo na teoria e na prática nos países centrais, levando-os aos países periféricos: no Brasil dos anos 1990, reproduziu-se esse mesmo discurso. Portanto, nada de novo ou moderno até aqui.

Então não podíamos deixar que a reforma trabalhista passasse desapercebida, mesmo que patrocina…