Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2015

AMARGO REMÉDIO

Imagem
 Imagem: google.com.br
O professor e colega João Sicsú, do Instituto de Economia da UFRJ, escreveu a pouco tempo atrás um texto bastante interessante a respeito do preço que se paga pela escolha do regime de metas inflacionárias. Neste artigo reproduzirei alguns trechos deste texto mesclado com meu ponto de vista a respeito do tema. Não é de hoje que todo tratamento de choque "abusa" naturalmente do remédio amargo. Este tal "regime de metas inflacionárias" implantado no Brasil ainda no governo FHC em 1999, não é tão inocente quanto aparenta. Isto porque não é uma simples fixação de meta inflacionaria a ser perseguida pelo Banco Central, vai muito além disto... Sua estrutura e argumentação teórica se orienta por um único objetivo que é de controlar a inflação e consequentemente o único instrumento deste controle é a taxa de juros. Reduzir a inflação via juros não se traduz uma tarefa hercúlea, entretanto sua elevação provoca um efeito em cadeia devastador. A elevação…